5 filmes para quem curtiu o longa

Visto por mais de 51 milhões de horas em apenas cinco dias disponível na Netflix, Na Sua Casa ou na Minha? (2023) é o mais novo hit da plataforma. Apesar de ter recebido críticas mistas da imprensa, o longa estrelado por Reese Witherspoon (Big Little Lies) e Ashton Kutcher (That ’70s Show) caiu nas graças dos assinantes.

Escrita e dirigida por Aline Brosh McKenna, a comédia romântica conta a história dos melhores amigos Debbie (Reese) e Peter (Ashton). Os dois compartilharam uma noite romântica no dia em que se conheceram, mas decidiram não confundir as coisas e passaram os 20 anos seguintes apenas na amizade.

Assim como outros filmes do gênero, Na Sua Casa ou na Minha? é uma comédia romântica cheia de clichês. A narrativa dos melhores amigos que ficam juntos no final já foi contada e recontada milhares de vezes, seja no cinema, TV ou literatura. No entanto, isso nunca impediu que o público continuasse a se encantar por novas histórias com o mesmo tema.

Pensando nisso, a Tangerina fez uma lista de cinco comédias românticas bem populares sobre melhores amigos que se apaixonam (ou percebem que sempre se amaram). A reportagem também indica onde esses títulos podem ser encontrados em serviços de streaming.

Confira abaixo a lista de cinco filmes para quem curtiu Na Sua Casa ou na Minha?:

Mark Ruffalo e Jennifer Garner

Mark Ruffalo e Jennifer Garner

Divulgação/Columbia Pictures

De Repente 30

Filme que marcou toda uma geração de jovens, De Repente 30 (2004) conta a história de Jenna (Christa B. Allen), garota de 13 anos que passa por uma experiência assustadora. Ao desejar ter 30 anos no dia de seu 13º aniversário, ela acorda inexplicavelmente no corpo de sua versão adulta (Jennifer Garner).

Aos 30 anos, Jenna encara as desafios da vida adulta, como ir ao trabalho, lutar contra a rivalidade de uma colega e, claro, se apaixonar. A jovem percebe que seu grande amor sempre foi Matt (Mark Ruffalo), seu melhor amigo de infância e que sempre nutriu uma paixão pela garota.

Onde assistir: Netflix.

Meg Ryan e Billy Crystal

Meg Ryan e Billy Crystal

Divulgação/MGM

Harry e Sally: Feitos um para o Outro

Dirigido por Rob Reiner (Questão de Honra), Harry e Sally: Feitos um para o Outro (1989) é uma das comédias românticas mais famosas de Hollywood. O longa marcou época no fim dos anos 1980 e se tornou um dos principais títulos das carreiras de Meg Ryan (Cidade dos Anjos) e Billy Crystal (Máfia no Divã).

O longa conta a história de Harry (Crystal) e Sally (Meg), dois amigos que acreditam que sexo pode arruinar a amizade deles. Durante anos eles cultivam um relacionamento amigável e trocam confidências, mas pouco a pouco percebem que o sentimento que existem entre eles vai se transformando em paixão.

Além de ter se tornando um clássico das comédias românticas, Harry e Sally: Feitos um para o Outro ainda recebeu uma indicação ao Oscar de melhor roteiro original.

Onde assistir: Prime Video.

Anne Hathaway e Jim Sturgess

Anne Hathaway e Jim Sturgess

Divulgação/Focus Features

Um Dia

Para muitos fãs, Um Dia (2011) pode ser o filme mais triste da relação. Embora ainda tenha momentos com bastante humor, o longa estrelado por Anne Hathaway (O Diabo Veste Prada) e Jim Sturgess (Quebrando a Banca) se destaca pelo drama e as lágrimas que é capaz de provocar no rosto de quem o assiste.

Na trama, após passarem a noite de sua formatura na faculdade juntos, o casal Emma (Anne) e Dexter (Sturgess) se encontram todos os anos na mesma data para contar em que ponto estão suas vidas. A relação entre os dois evolve carinho e paixão, mas nem sempre os dois estão em sintonia. Com final marcante, o longa ficou marcado na memória de muitos fãs de filmes de romance.

Onde assistir: Star+.

Sam Claflin e Lilly Collins

Sam Claflin e Lilly Collins

Divulgação/Relativity Studios

Simplesmente Acontece

Longa mais recente desta relação, Simplesmente Acontece (2014) conquistou milhões de fãs pelo mundo ao contar a história de amor de Rose (Lilly Collins) e Alex (Sam Claflin). Melhores amigos desde a infância em Londres, os dois veem a relação mudar quando Alex ganha uma bolsa de estudos para fazer universidade nos Estados Unidos.

Apesar da distância, os dois fazem de tudo para manter a conexão e não perder o contato. Eles seguem caminhos diferentes e, quando outros amores entram na jogada, Rose e Alex começam a perceber que os sentimentos que carregavam há anos começaram a se transformar em um outro tipo de amor.

Onde assistir: Prime Video.

Dermot Mulroney e Julia Roberts

Dermot Mulroney e Julia Roberts

Divulgação/Tristar Pictures

O Casamento do Meu Melhor Amigo

Um dos clássicos das comédias românticas dos anos 1990, O Casamento do Meu Melhor Amigo (1997) é uma das grandes inspirações de Na Sua Casa ou na Minha?. A história da jovem que descobre estar apaixonada por seu melhor amigo quando ele está prestes a se casar marcou uma geração de jovens e é um dos principais trabalhos da carreira de Julia Roberts (Uma Linda Mulher).

Dirigido por P.J. Hogan (Peter Pan), o longa conta a história de Julianne (Julia), jovem que entra em choque quando seu antigo amigo, Michael (Dermot Mulroney), está para casar com a bela Kimberly (Cameron Diaz). Ao perceber que sempre o amou a protagonista entra em uma jornada para lidar com seus sentimentos enquanto luta para impedir a perda de sua paixão para sempre.

Onde assistir: Netflix

Fonte: UOL Cinema

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *