Consumista no cinema, Gloria Pires escancara trauma

Na próxima quinta-feira (9), Gloria Pires volta aos cinemas com o filme Desapega! na pele de Rita, uma ex-compradora compulsiva que assume a liderança de um grupo de apoio a pessoas com a mesma condição após controlar seu vício. Mas, como ela tem recaídas, quem precisa lidar com as consequências é Duda (Maisa Silva), sua filha. Gloria, porém, abre o jogo sobre já ter encarado o outro lado da situação dentro de sua própria casa.

Segundo a atriz, sua personagem lhe lembrou muito de sua mãe, dona Elza, que não podia ver uma promoção na frente. “A minha mãe era essa pessoa. Ela saía para fazer qualquer coisa e chegava em casa com uma sacolinha na mão. Acho que eu fiquei traumatizada, e esse negócio [de promoção] não me pega”, confessa em entrevista à Tangerina

Desapega! procura retratar, de maneira cômica, uma condição que, por vezes, destrói famílias e pode acabar com sonhos. Por isso, Gloria conta que foi necessário muito cuidado para se preparar para a personagem e que, diante de uma condição que pode gerar sofrimento, ela rejeita totalmente o humor que ofende.

“Em nenhum momento o filme é julgador, nem mesmo traz um dedo que aponta. O filme permite leveza para falar de um assunto seríssimo que está acometendo quase todo mundo, desde jovens a idosos, que é a compulsividade e a acumulação”, explica. “As pessoas estão se apegando aos objetos, transferindo para as coisas algo que elas precisam exercitar em suas vidas e, às vezes, não têm condições para isso. Por isso, quisemos trazer atenção para esse tema.”

No longa-metragem, Gloria Pires é par romântico de Marcos Pasquim, que interpreta Otávio, um comprador compulsivo que ela conhece em seu grupo de apoio e é viciado em dar presentes. “Isso de o Otávio sempre trazer um presentinho foi algo que contei de um amigo meu. Eu ficava pensando nele assistindo ao filme e não queria que ele se sentisse objeto de deboche. Eu queria que ele entendesse essa condição e se divertisse com isso”, afirma a atriz. 

Desapega! trabalha o desapego não somente na esfera material, mas também pessoal. O filme dá luz àquele momento difícil em que os pais precisam deixar os filhos seguirem suas próprias vidas e saírem de casa. 

Gloria Pires conta que viveu isso com suas filhas e celebra o fato de o longa-metragem trazer essa questão à tona. “Foram momentos bem difíceis, porque caiu uma ficha. Será que eu ensinei tudo? Será que eu falei tudo o que precisava? Será que elas estão preparadas? São muitas questões”, reforça. 

Desapega! estreia nos cinemas em 9 de fevereiro. Dirigido por Hsu Chein, o filme traz no elenco Marcos Pasquim, Maisa Silva, Gloria Pires, Carol Bresolin, Wagner Santisteban, Priscila Marinho, Malu Valle e Matheus Costa.

Fonte: UOL Cinema

Um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *