O que é o Pássaro de Fogo e por que ele é perigoso

A Netflix lançou mais episódios da segunda temporada de Alquimia das Almas e um novo perigo foi apresentado. Enquanto a série coreana está cheio de instrumentos e relíquias mágicas, agora o Pássaro de Fogo parece ser um dos mais importantes.

Na primeira parte do dorama, a Pedra de Gelo era o ponto central do conflito, visto que continha um grande poder que estava sendo abusado pelo xamã Cho e Jin Mu para se vingar.

No entanto, nessa segunda temporada, Jang-uk absorveu a pedra e uma nova fonte de energia foi introduzida: o Pássaro de Fogo. Explicaremos tudo o que sabemos sobre isso.

O Pássaro de Fogo nasceu de um vulcão. Por causa do perigo que ele representava para o mundo e a sociedade, ele foi contido e trancado em um ovo dentro de Jinyowon.

No quinto episódio da segunda temporada de Alquimia das Almas, foi revelado que o pássaro de fogo foi a razão pela qual o Mestre Seo Gyeong e Seol-ran, o primeiro líder da família Jin, fundaram Jinyowon, o lugar mágico para guardar relíquias perigosas ou poderosas.

Por que o pássaro de fogo é tão perigoso?

O Pássaro de Fogo é perigoso porque, se liberado e devolvido ao céu, causaria grandes secas em todo o mundo.

Vale ressaltar que, além da seca, seu surgimento causaria a destruição de Jinyowon.

Além disso, Jin Mu quer usar seu poder para poder invocar uma nova Joia de Gelo. Portanto, ele tem criado pedras em forma de pássaro com a rocha do vulcão do sul, do qual o Pássaro de Fogo teria nascido.

Ele colocou essas pedras em vários poços dentro da fortaleza de Daeho, para secá-las, mas Songrim e o resto dos feiticeiros já descobriram que ele está por trás disso.

Alquimia das Almas está disponível na Netflix.

Fonte: UOL Cinema

3 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *