The Last of Us revela como o Bloater ganhou vida – The Last of Us (HBO Max)

Aviso justo, há spoilers para The Last of Us episódio 5 neste artigo. Se você ainda não conferiu o episódio mais recente, convém fazê-lo antes de ler.

Com o Super Bowl ocupando a maioria dos globos oculares da América esta semana, os fãs de The Last of Us desfrutaram de uma queda antecipada para o episódio 5, que apresentou talvez o infectado mais nojento até agora na forma do Bloater.

<social>https://www.youtube.com/watch?v=GtMnpyNy7R0&t=292s&ab_channel=HBOMax</social>

O Clicker inchado é uma das coisas mais memoráveis sobre o show até agora, e levou muito trabalho para trazer a criatura à vida. Não só os criadores precisaram de um ator de 6’6 no ator britânico Adam Basil para tornar a criatura intimidante, mas também colocaram Basil em um terno de 88 libras para lhe dar uma estética mais inchada.

O designer de próteses Barry Gower explicou o processo no último vídeo do YouTube Inside the Episode, onde afirmou que os criadores fizeram uma “cópia inteira” do corpo de Basil, que eles usaram para modelar as próteses Bloater. Então, usando espuma de borracha e espuma de látex, eles fizeram o monstro fúngico visto no episódio 5.

Você gostou do episódio 5 de The Last of Us? Deixe-nos saber.

The Last of Us (HBO Max)



Fonte: Gamereactor

16 comentários

  1. I am an investor of gate io, I have consulted a lot of information, I hope to upgrade my investment strategy with a new model. Your article creation ideas have given me a lot of inspiration, but I still have some doubts. I wonder if you can help me? Thanks.

  2. I am a website designer. Recently, I am designing a website template about gate.io. The boss’s requirements are very strange, which makes me very difficult. I have consulted many websites, and later I discovered your blog, which is the style I hope to need. thank you very much. Would you allow me to use your blog style as a reference? thank you!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *